LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO: Projeto ONG Transparente

LEI DE ACESSO À INFORMAÇÃO: Projeto ONG Transparente

A série "Diálogos FBC" trará mais um assunto de extrema importância, ao vivo no instagram da FBC, no dia 18 de novembro às 20h!

Leia Mais
FOCCO/SE publica carta aberta aos candidatos e partidos políticos

FOCCO/SE publica carta aberta aos candidatos e partidos políticos

O Fórum de Combate à Corrupção de Sergipe (FOCCO/SE) publicou carta aberta aos partidos políticos e candidatos a vereadores e prefeitos do próximo pleito eleitoral em Sergipe expondo uma série de recomendações com vistas a uma gestão pública transparente

Leia Mais
Poder Judiciário acata pedido do MP e defere liminar em Ação Civil Pública para dissolução judicial da Associação Produtiva e Educativa de Capacitação (APEC)

Poder Judiciário acata pedido do MP e defere liminar em Ação Civil Pública para dissolução judicial da Associação Produtiva e Educativa de Capacitação (APEC)

O Poder Judiciário deferiu pedido formulado em Ação Civil Pública para dissolução judicial de entidade do terceiro setor, ajuizada pelo Ministério Público de Sergipe, por meio da 5ª Promotoria de Justiça do Cidadão – Terceiro Setor, titularizada pela promotora de Justiça Ana Paula Machado, em face da Associação Produtiva e Educativa de Capacitação (APEC). Na ação, apontou-se encerramento irregular das atividades da entidade e o não cumprimento da sua atividade-fim, em convênios firmados com o Estado de Sergipe e prefeituras do interior sergipano.

Leia Mais
FOCCO/SE renova acordo de cooperação por mais cinco anos

FOCCO/SE renova acordo de cooperação por mais cinco anos

Os integrantes do Fórum de Combate à Corrupção em Sergipe (Focco-SE) estão renovando o acordo de cooperação por mais cinco anos com o objetivo de integrar os órgãos de controle e estabelecer práticas uniformes para o diagnóstico, prevenção e repressão à corrupção, além de fomentar e reforçar o controle social e o compartilhamento ágil e eficiente de dados e documentos.

Leia Mais
TCU julga recurso e mantém aplicação de penalidades no processo de auditoria na oncologia de Sergipe

TCU julga recurso e mantém aplicação de penalidades no processo de auditoria na oncologia de Sergipe

O Tribunal de Contas da União, por meio do Acórdão 2403/2020 Plenário, sessão de 9/9/2020, julgou o recurso contra o Acórdão 2659/2019-Plenário, apresentado pelos responsáveis Gilberto dos Santos, presidente da Fundação Beneficência Hospital de Cirurgia à época dos fatos, Luciano Paz Xavier e Antônio Jose Saraiva de Almeida ex-secretários municipais de saúde de Aracaju. Na oportunidade, foi acolhida parcialmente argumentos do ex-secretários de saúde, que tiveram as multas reduzidas aos valores individuais de R$ 4 mil. Já o ex-presidente da FBHC teve o recurso negado sendo mantida a multa de R$ 40 mil, além da inabilitação, pelo período de 5 anos, para o exercício de cargo em comissão e de função de confiança no âmbito da administração federal.

Leia Mais